A rede Condor Super Center inaugurou a segunda unidade em Joinville. Com um investimento de R$ 50 milhões, a loja vai gerar a própria energia em uma usina solar instalada na cobertura. O supermercado conta com 1680 módulos solares fotovoltaicos, capazes de gerar 780000kWh por ano, o suficiente para abastecer 325 residências, além de contribuir para preservar o meio ambiente com a redução de 230 toneladas de CO2 por ano. Outro dispositivo voltado para a sustentabilidade e eficiência da unidade é um eletroposto, com duas vagas para carregamento de veículos elétricos.

Caso a loja não tivesse os módulos solares fotovoltaicos, seriam necessárias 1.656 árvores para compensar a emissão de CO². Com a tecnologia, fornecida pela Domínio Solar, o supermercado vai produzir um terço da energia consumida pelo estabelecimento e o retorno do investimento virá em aproximadamente seis anos, o que é pouco tempo, quando comparado à vida útil de 25 anos do equipamento.

“Estamos investindo em energias limpas e sustentáveis, pois acreditamos que o futuro é agora. Devemos ampliar o debate para a utilização de opções que não prejudiquem o meio ambiente e precisamos preparar o nosso país para atender a esta demanda, que só tende a crescer”, disse Pedro Joanir Zonta, presidente do Condor.

O supermercado utiliza iluminação 100% em LED, que além de ser mais econômica, dura três vezes mais, reduz em 50% o consumo de energia elétrica e o descarte no meio ambiente. Para economizar ainda mais energia, outra solução implantada é o sistema de iluminação dimerizável, que ajusta a intensidade luminosa de acordo com a luz natural. Também foram instalados na cobertura do estabelecimento os Domus Prismáticos que filtram os raios ultravioletas em até 98% e permitem a entrada da luz externa no ambiente.

Haverá também redução no consumo de energia com a instalação de portas nos balcões de congelados e refrigerados, projetados pela Eletrofrio, que além de manterem os produtos bem conservados, também reduzem em até 60% a carga térmica. Já para preservar a camada de ozônio, foi utilizado o CO2 no setor de congelados, um gás refrigerante 100% natural que não agride a natureza e não provoca o efeito estufa. O setor de refrigerados utiliza o Glicol, inofensivo à camada de ozônio e que reduz em até 90% os gases poluentes.

A unidade conta com um sistema de captação da água da chuva para ser utilizada na irrigação de jardins, limpeza de pisos e descarga de sanitários.

A 46ª loja da rede vai gerar 250 empregos diretos e oferecer uma galeria com 10 lojas, entre pet shop, relojoaria, produtos naturais, lotérica, salão de beleza, farmácia, cafeteria, sobremesas McDonald’s e uma praça de alimentação com buffets de comida oriental e brasileira. Em uma área de 5 mil m², a loja terá 26 checkouts, um mix de produtos com 20 mil itens e um estacionamento rotativo com capacidade para 3 mil veículos por dia, que informa a quantidade de vagas disponíveis. Para facilitar o acesso ao supermercado, as entradas estão localizadas nas ruas Blumenau, Almirante Barroso e José de Alencar, taticamente instaladas para evitar o congestionamento no tráfego de veículos ao entrar ou sair do empreendimento. Uma esteira rolante e um elevador também foram incorporados ao empreendimento para facilitar a locomoção dos clientes.

A loja seguirá um conceito gourmet, com Espaço Gastronômico com cervejas especiais, rótulos de vinhos nacionais e importados, cafés e uma linha de produtos selecionados de diversos países. O supermercado terá também um Espaço Saudável, voltado para os clientes focados em saúde.

O setor de perfumaria foi posicionado estrategicamente na entrada da loja e vai seguir o estilo de free shop, com Espaço Mulher e Espaço Homem. “O município possui um grande potencial econômico e escolhemos a região para este investimento após a realização de diversas pesquisas e estudos, que mostrou existir uma demanda por um estabelecimento desse porte”, afirmou Zonta.

Os instalados na cobertura da loja possuem células de silício que captam a irradiação solar. A energia gerada neles é em corrente contínua e para ser usada é transformada em corrente alternada por um inversor.

Além dos módulos solares, o novo Condor América possui outras diversas tecnologias sustentáveis. Uma delas é o eletroposto, uma grande novidade implantada pela rede. A loja possui duas vagas para que os clientes possam carregar os veículos movidos a motores elétricos enquanto fazem compras.

 

Fonte: Newtrade
Condor inaugura loja sustentável de R$ 50 milhões em Joinville

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *