Comparações mensal e no acumulado do ano apontam que varejo registrou alta nas vendas principalmente por conta do sistema a prazo. Confira

As vendas do varejo paulistano (só na cidade de São Paulo) cresceram, em média 2,6%, em agosto. O crescimento, mensurado pelo Balanço de Vendas da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), é na comparação com agosto de 2017.

Segundo Marcel Solimeo, economista da ACSP, o resultado foi puxado pelo sistema de financiamento a prazo, que cresceu 5,9% no período, “beneficiado pela queda dos juros e pelo alongamento dos prazos, que estimulam a compra parcelada de produtos de maior valor (duráveis e semiduráveis)”, explica Solimeo.

Se as compras a prazo ganharam força, o sistema à vista perdeu espaço. Na relação com agosto de 2017, houve queda nas compras à vista de 0,7%.

Acumulado do ano

De janeiro a agosto, as vendas no varejo registraram alta média de 2,8%, puxadas pelo sistema a prazo, que registrou alta de 7,2%, segundo a ACSP, por conta da queda dos juros e prazos maiores. Os pagamentos à vista, porém, fecharam o período com queda de 1,7%.

 

Escrito Por: Raphael Coraccini
Fonte: Novarejo

 

Venda a prazo cresce acima dos 5% e impulsiona resultado do varejo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *